Maria Lucia Arruda de Moura Campos

Área de Pesquisa:

Química Ambiental - Aquele que trabalha com Química Ambiental, procura entender os processos químicos que atuam sobre um ecossistema, esteja este sob forte contaminação ou não. Portanto, não se deve confundir Química Ambiental com poluição ambiental. A Química Ambiental tem caráter multidisciplinar, e interage com a biologia, geologia e física, além de incluir as inter-relações entre a hidrosfera, atmosfera, litosfera e biosfera.

Biogeoquímica Aquática e Atmosférica - Meu trabalho de pesquisa está principalmente ligado ao estudo do ciclo biogeoquímico de metais pesados, nutrientes e iodo em ambientes marinhos, lacustres e na atmosfera, com ênfase na especiação química desses elementos. Este estudo pode levar a uma melhor compreensão sobre a origem de um determinado composto no ambiente em questão, os processos que atuam na sua distribuição, especiação e transporte.

Como os processos de transporte de compostos químicos na atmosfera podem ser muito eficientes, um composto emitido em uma determinada região poderá depositar (na forma de chuva ou material seco) após percorrer milhares de quilômetros. Como a composição química da água da chuva reflete a composição química da atmosfera, por meio da coleta e análise de amostras de chuva é possível avaliar processos de dispersão e transporte de poluentes na atmosfera, além de ser possível avaliar a magnitude da deposição atmosférica desses compostos.

Química Analítica - Trabalho no desenvolvimento de novos métodos analíticos com aplicações ambientais e utilizo muito a voltametria de redissolução catódica devido sua grande sensibilidade, seletividade e adequação no estudo da especiação química. Esta técnica é especialmente vantajosa no estudo da especiação de metais traços em águas marinhas devido à baixa interferência dos eletrólitos presentes nessas amostras.